quinta-feira, 1 de março de 2012

Com gostinho de quero mais


Você sabia que risoto significa pequeno arroz? Prato tipicamente italiano, o risoto conquistou paladares e passou a integrar os mais diversos cardápios.
No seu preparo, o arroz é o responsável pelo toque especial. Vialone Nano, Carnarole são alguns tipos próprios sendo o arbóreo o mais comum. Porém, este arroz não pode ser lavado. Isso mesmo. É o amido presente na casca que engrossa o caldo durante o preparo, fazendo com que o risoto tenha aquela deliciosa textura cremosa.
Agora conta: você já experimentou o Risoto de camarão com limão siciliano do Hachiko Contemporâneo? Se não conhece, aproveita que o ano está (efetivamente) começando e inclui na sua wish list. 
De tão gostoso, você vai querer sempre mais!

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Rabanada contemporânea



Ai, as rabanadas, essa deliciosa e tradicional sobremesa de Natal...pode mudar de página quem não fica esperando chegar esta época pra comer algumas e outras mais!

Nascida em Portugal, a rabanada era servida no dia da Consoada, evento que reunia as famílias à mesa de jantar no dia 24 de dezembro, véspera de Natal, para um refeição à base de peixe, preferencialmente.  Mas a tradição não para por aí. Após o jantar, a mesa da Consoada não deve ser retirada e a louça não pode ser lavada.  Os restos de comida também devem ficar na mesa por toda a noite, o que simboliza respeito aos mortos da família. Depois da Consoada também é costume fazer a troca de presentes.

A receita tradicional da rabanada leva açúcar, canela e até mel. Novas versões foram surgindo. Já experimentou a rabanada de panetone? E a torta de rabanada? Há também a salgada e a recheada com sorvete. Enfim, uma infinidade.

Agora, conta: você já experimentou a nossa rabanada?  Leva calda de chocolate e folhas de menta, além de lâminas de amêndoa carameladas. Essa delícia está no nosso festival e também pode ser encomendada para o seu Natal. Mas peça logo porque não abriremos no dia 24.

Boas Festas!



sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Versatilidade gastronômica




Quem curte o molho teriyaki levanta a mão! Ou melhor, clica em "curtir". 

Muito apreciado na culinária japonesa, o teriyaki tem sabor e textura especiais. É um molho muito versátil e tempera com perfeição carnes, legumes, cogumelos, arroz e massas, entre outras delícias gastronômicas. 

Mas quais são os ingredientes do teriyaki? Nada mais que soja, açúcar amarelo, cebolinha, gengibre ralado, saquê, maçã e um fio de óleo. E uma boa mão, claro!

Agora que você já sabe mais sobre o molho teriyaki, venha ao Hachiko Contemporâneo experimentar o Salmão flambado com amendoim e teriyaki, esse prato da foto...é um dos mais pedidos no nosso festival!

quinta-feira, 7 de julho de 2011

Missoshiro: sinônimo de saúde e longevidade



Quem não conhece o Missoshiro, ou Missô, aquela sopa da culinária oriental à base de soja, apreciada e consumida frequentemente pelos japoneses? Todo mundo, não é?
Talvez o que nem todos saibam é que na gastronomia japonesa este prato está associado à saúde e longevidade. Acho que está explicado porque os japoneses servem missoshiro em qualquer refeição...
Normalmente preparado com saudáveis ingredientes como soja, tofu, hondashi (tempero à base de peixe) e cebolinha, o missô também fica muito bem acompanhado de outros ingredientes, como legumes e o próprio arroz, o protagonista das refeições japonesas.
Nutricionistas dizem que o missoshiro acrescenta energia yang ao organismo: calor, concentração e atividade. Recentes pesquisas revelaram que o missô fermentado durante dois anos produz no corpo uma substância importante para manter a memória e estimular o cérebro, além de aumentar a quantidade de colágeno, o que melhora a elasticidade da pele.
Agora que você soube um pouco mais sobre esse nutritivo prato oriental, que tal dar um pulinho aqui no Hachiko Contemporâneo para tomar a sua dose diária da poção da juventude? 
Esperamos por você!

terça-feira, 21 de junho de 2011

Olho-de-boi


Muito apreciado pelos orientais, que o conhecem como buri, o peixe olho-de-boi possui uma carne tenra e saborosa. Na culinária japonesa é muito usado para o preparo de sushis e sashimis. No Japão, a parte da barriga, quando bem gorda (aka-buri-toro), é muito apreciada.

O peixe olho-de-boi costuma ser grande, podendo medir até 2 metros e pesar cerca de 80 kg. Muito forte e ágil, se alimenta de sardinhas, lulas e camarões. Quando novos, formam cardumes. Na idade adulta, andam solitários ou em grupos de no máximo dez. Pode ser encontrado no litoral brasileiro desde Santa Catarina até o Amapá, porém a sua maior incidência se dá no Nordeste. É muito apreciado por sua resistência e força quando fisgado, além de sua carne sofisticada e de excelente sabor.

Difícil de ser encontrado nos mares, de tempos em tempos chega ao Hachiko um exemplar, pronto para incrementar o rodízio de sushis e sashimis. Se você ainda não provou essa iguaria da culinária oriental, venha ao Hachiko!

sexta-feira, 10 de junho de 2011

Doce romântico


São Valentim, Santo Antonio. Símbolos do amor, da união amorosa e, claro, do Dia dos Namorados. Mundialmente comemorado, no Brasil o dia dos namorados antecede o dia de celebração ao santo português com tradição de casamenteiro. Ele mesmo, o querido Santo Antonio, que tanto costuma ser sacrificado por não atender prontamente aos necessitados pedidos das solteiras de plantão. Mas eis que surge a alma gêmea e tudo volta ao normal, para alívio do santo.


Se você encontrou a sua alma gêmea e, portanto, já tirou o Santo Antonio do castigo aproveite o fim de semana dos namorados e faça diversos programas românticos. Uma dica para os casais apaixonados é vir almoçar no Hachiko Contemporâneo no sábado. Além de saborear as delícias do nosso diferenciado rodízio, cada casal ganha uma sobremesa especial: o Petit Gateau Romântico.
Venha compartilhar com o seu amor essa delícia!